Sei que…

Sei que tem dias em que nada combina com nada.
Eu não combino comigo, nem com você.

Minha cabeça vira um parafuso sem rosca,
e mais nada importa, nem consigo abrir a porta.
Minha vontade é de sair pelo mundo, sem rumo.
Mas, ao mesmo tempo, o desencanto me oprime,
fico então olhando pela janela o movimento vazio da vida.
Então me assusto com pensamentos loucos de pura carência.

Preciso me encontrar em qualquer música, ou verso.
Preciso achar um motivo a mais para estar aqui,
nesses dias em que nada combina com nada.
Talvez seja melhor ficar e esperar o tempo passar.
Quem sabe amanhã, o céu combina comigo,
e vamos passear…
É tempo de mudar!
Paulo Roberto Gaefke