Os 10 mandamentos para uma boa noite de sono

Como combater a Insônia Naturalemente

  1. Horário regular para dormir e despertar
  2. Ir para a cama somente na hora de dormir
  3. Ambiente saudável
  4. Não fazer uso de álcool próximo do horário de dormir
  5. Não fazer uso de medicamentos para dormir sem orientação médica
  6. Não exagerar em cafeína, chá preto ou mate e refrigerante
  7. Atividades físicas em horários adequados e nunca próximo da hora de dormir
  8. Jantar moderadamente em horário regular e adequado
  9. Não levar problemas para a cama
  10. Atividades repousantes e relaxantes após o jantar

ALIMENTOS QUE AJUDAM DORMIR BEM!

Por outro lado, há alimentos que ajudam o relaxamento, proporcionando melhor qualidade do sono. Entre eles, podemos destacar a alface, a maçã, o pepino e o salsão. Além disso, alimentos fonte de triptofano como carboidratos, encontrados na banana, podem ajudar a proporcionar noites bem dormidas, pois o triptofano participa da formação da melatonina, hormônio responsável pelo sono.

Uma dieta balanceada e individual, feita de acordo com o organismo de cada pessoa, aliada aos exercícios físicos, é a receita perfeita para noites bem dormidas. Mas note: comer muito antes de deitar, principalmente alimentos refinados como arroz branco, farinhas brancas e pão branco, pode influenciar na má qualidade do sono devido sua alta absorção, pois promove o aumento dos níveis de insulina, acionando assim o metabolismo.

Quanto maior a refeição noturna, maior será o tempo de latência ao sono, pois a metabolização dos alimentos precisará ser maior devido à  dificuldade de digestão, levando a um retardo do sono devido ao alto metabolismo necessário para fazer a digestão e absorção dos alimentos ingeridos.

Juntamente com a poderosa técnica de relaxamento que acabamos de passar a você, é possível que consiga uma ajuda do reino vegetal para relaxar e manter seu organismo numa frequência mais calma.

Sobretudo antes de dormir e se conseguir, a partir do almoço, se utilize de chás de ervas, em substituição à água que toma. Para que isso seja saudável, pense em beber um copo de chá para cada copo de água, intercalando um e outro e lembre-se: não adoce com açúcar branco, tome ao natural, ou no máximo com poucas gotas de adoçante.

As ervas mais indicadas para relaxar, são:

  • Melissa
  • Erva cidreira
  • Capim santo
  • Camomila

Se tiver acesso a uma loja de ervas ou produtos naturais, poderá preparar essas receitas:

  • Tomar a tintura do mulungu (30 gotas num copo de água), ou fazer o chá da casca (menos eficaz) dessa planta;
  • A flor da laranjeira também é calmante;
  • O cozimento da folha de maracujá depois que deu fruto, também é indicado.

Agora, atenção! Ervas são remédios, feitos pela natureza e sem a manipulação humana, mas deles são retiradas todas as substâncias que compõe os “remédios da farmácia”. Então, sigamos as recomendações do Centro de Educação Comunitária Rural, o CECOR.

  • Cada planta tem seu uso e prescrição certa. Por isso, só aceite indicação de pessoa competente que entenda de plantas medicinais;
  • Qualquer planta medicinal só servirá aos seus propósitos se for usada de forma correta;
  • Nunca misture um remédio com outro; por remédio, entende-se a planta medicinal em forma de chá, compressa, pomada ou unguento;
  • Quando for preparar seu chá, use sempre a planta fresca, colhida em lugar seguro, no quintal, ou na horta de plantas medicinais;
  • Não use plantas medicinais sujas, doentes ou mofadas;
  • Nunca use plantas medicinais colhidas em beiras de estradas ou em locais sujos, elas podem estar contaminadas e causar problemas de saúde;
  • Crianças e mulheres grávidas só devem tomar remédios que sejam indicados pelos médicos, ou pelos especialistas em plantas medicinais;
  • Nunca dê nada para crianças pequenas: os órgãos delas ainda estão em formação e se o preparado for concentrado demais, provocará lesão nos órgãos internos (fígado, rins, etc.);
  • Nunca use remédios feitos com plantas tóxicas. O uso de algumas delas como a cabacinha e o comigo-ninguém-pode, a zabumba e a espirradeira têm causado a morte de muitas pessoas. As plantas amargas, por exemplo, geralmente são abortivas;
  • Certifique-se de que colheu a planta certa e só use aquelas que reconhece.