Cardápio para Dieta Vegetariana

Um mês com uma Dieta Vegetariana muda muito a sua saúde e as suas finanças!

Pode fazer um teste onde a sua saúde vai ganhar e o Bolso vai agradecer!
30 dias sem as carnes da sua alimentação vão melhorar a sua saúde e fazer você, se precisar, “emagrecer” saudavelmente.
E o seu dinheiro vai sobrar de verdade.
Conheça um pouco mais sobre as possibilidades de ficar pelo menos 4 semanas sem carne no prato e mudar sua saúde.
Peça agora as nossas Dicas de alimentação e experimente:


Dieta Vegetariana

Cortar carnes, leite e ovos por um período curto é uma poderosa maneira de perder peso. Talvez você torça o nariz por achar que, para aderir ao vegetarianismo, é preciso gostar de comer “mato”. Nada disso! Sabendo preparar a comida, é possível criar pratos saborosos sem ingredientes de origem animal.
O nutrólogo Éric Slywitch, da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB), montou um cardápio emagrecedor com receitas simples e deliciosas. Com ele, dá para eliminar 1 kg por semana e melhorar a saúde. “Quando é bem planejada, a dieta vegetariana pode reduzir o risco de doenças cardiovasculares, diabetes, hipertensão arterial, alterações do colesterol, câncer de próstata e de intestino grosso, e cálculos na vesícula” enumera o médico. Difícil ficar sem carne? Comece alternando: dia sim, dia não. E siga a dieta até perder os quilinhos extras.

 

Por que a Dieta Vegetariana emagrece?

– Ao tirar carne, ovos, leite e derivados da alimentação e substituí-los por pratos gostosos à base de vegetais, você corta calorias quase sem perceber.

– Os vegetais (verduras, legumes, frutas, soja, feijão e grãos integrais) são ricos em fibras, que ajudam a saciar o organismo.
– As fibras também reduzem a absorção da gordura presente na comida.
– A alimentação vegetariana é altamente saudável e influencia positivamente o equilíbrio hormonal. Por isso, os vegetais aceleram o metabolismo e favorecem o emagrecimento.
Experimente este cardápio
O médico Éric Slywitch sugere um menu vegetariano de 1.300 calorias diárias. Para fazer uma dieta prolongada, procure um nutricionista ou nutrólogo, que irá calcular o número ideal de calorias para o seu caso.

Sugestão do Dr Éric

Opção 1 Opção 2 Opção 3
Café da manhã 1 copo de leite de soja rico em cálcio
(240 mg de cálcio por copo) e
1 fatia de pão integral com pasta de tofu
1 copo de suco verde e 1 fatia de pão
integral com pasta de tofu
1 xícara de aveia hidratada e 1 fruta fresca
Lanche 1 copo de
suco verde
1 fruta
Almoço Pelo menos 3 xícaras (chá) de verduras cruas com molho, 4 colheres (sopa)
de arroz integral, 1 concha média cheia de feijão-preto cozido com
legumes variados (adicione os legumes no final do cozimento, como
se fosse uma “feijoada” de legumes) e ¼ de polpa de acerola
Pelo menos 3 xícaras (chá) de verduras cruas com molho,
7 colheres (sopa) de macarrão integral cozido com legumes e molho
vermelho, ½ xícara (chá) de tofu picado e ¼ de polpa de acerola*
Pelo menos 3 xícaras (chá) de verduras cruas com molho, 4 colheres
(sopa) de arroz integral cozido refogado com 1 xícara (chá) de legumes
variados, 1 concha média cheia de grão-de-bico cozido e ¼ de polpa de acerol
Lanche 1 fruta 15 amêndoas 3 castanhas-do-pará*
Jantar Pelo menos 3 xícaras (chá) de verduras
cruas com molho, sopa de ervilha com legumes
e 1 fatia de pão integral torrado
Pelo menos 3 xícaras (chá) de verduras
cruas com molho, sopa de feijão-branco com
legumes e 1 fatia de pão integral torrado
Pelo menos 3 xícaras (chá) de
verduras cruas com molho, sopa de
feijão-marrom (carioca) e
1 fatia de pão integral torrado

* Opção 4: ½ fruta e 7 amêndoas

 

Sedentarismo é definido como a falta, ausência e/ou diminuição de atividades físicas ou esportivas. Considerada como a doença do século, está associada ao comportamento cotidiano decorrente dos confortos da vida moderna.

Pessoas que tem um gasto calórico reduzido semanalmente pela ausência da prática esportiva são consideradas sedentárias ou com hábitos sedentários.

Abolindo o Sedentarismo – Existem diversas indicações para que os indivíduos sedentários possam adotar uma mudança de hábitos de vida de acordo com as possibilidades ou conveniências de cada um:
A prática de atividades físicas, esportivas: caminhar, correr, pedalar, nadar, praticar ginástica, exercícios com pesos, jogar bola são propostas válidas para haver combater ao sedentarismo e melhorar sua qualidade de vida.
É recomendada a consulta a um médico e um educador físico para a orientação das melhores atividades físicas já que não são recomendadas as mesmas atividades para todas as pessoas.