A Poderosa Oração de São José dos momentos mais difíceis.
Esta é uma daquelas orações que fazemos para momentos de muitos conflitos, dúvidas, dívidas, medo e apreensão. Uma oração que traz um conforto imediato, restabelece a fé, dá forças para continuar lutando, por isso da maneira que eu te mostro como fazer, você vai fazendo e se fortalecendo e pode e deve usar também para depois, agradecer todas as Graças alcançadas.
Experimente, mesmo com a fé abalada, mesmo com muito desânimo, a força vai chegar!
Peça agora:


Oração a São José

Esta é uma oração para os momentos mais afitivos e também para agradecer graças alcançadas. Faça a oração 3 x ao dia por 3 dias seguidos e peça com fé que vai receber o que precisa.

Esposo de Maria, pai de Jesus, José é considerado santo pela Igreja Católica. Foi carpinteiro em Nazaré e descendente do rei Davi de Israel.

A vós, São José, recorremos em nossa tribulação, e cheios de confiança, solicitamos o vosso patrocínio.
Pelo laço sagrado de caridade que vos uniu à Virgem imaculada, Mãe de Deus, e pelo amor paternal que tivestes ao Menino Jesus, ardentemente vos suplicamos que lanceis um olhar benigno sobre nós, que somos a herança que Jesus Cristo conquistou com Seu sangue; e nos socorrais nas nossas necessidades, com o vosso auxílio e poder.
Protegei, ó guarda providente da divina família, o povo eleito de Jesus Cristo.
Afastai para longe de nós, ó Pai amantíssimo a peste do erro e do vício.
Assisti-nos, do alto do céu, o nosso fortíssimo sustentáculo, na luta contra o poder das trevas.
E assim, como outrora salvastes a vida ameaçada do Menino Jesus, defendei agora a Santa Igreja de Deus das ciladas dos seus inimigos e de toda a adversidade.
Amparai a cada um de nós com o vosso constantes patrocínio, a fim de que, sustentados com o vosso auxílio, possamos viver virtuosamente, piedosamente morrer e obter no céu a eterna bem-aventurança.

 

A Oração do Senhor, também conhecida como o Pai Nosso, é talvez a oração mais conhecida do cristianismo. Duas versões dela ocorrem no Novo Testamento, uma no Evangelho de Mateus (Mateus 6:9-13) como parte do discurso sobre a ostentação, uma secção do Sermão do Monte; e a outra no Evangelho de Lucas (Lucas 11:2-4).


O contexto da oração em Mateus é uma parte de um discurso, sobre um povo sofrido que ora grandiosamente, simplesmente com a finalidade de ser visto orando; Mateus descreve Jesus ensinando as pessoas à orar “após a fórmula” dessa oração. Tendo em conta a estrutura da oração, fluxo de sujeito e ênfases, uma interpretação da Oração do Senhor é como uma orientação sobre como orar em vez de aprender algo ou repetir por hábito.


Há outras interpretações sugestivas que a oração foi concebida como uma oração específica à ser usada. O Novo Testamento relata Jesus e seus discípulos orando em várias ocasiões; mas nunca os descreve usando essa oração, é incerto o quão importante ela foi originalmente vista e tida.
No dia da Páscoa foi estimado que dois bilhões de cristãos católicos, anglicanos, protestantes e ortodoxos leram, recitaram ou cantaram a oração em milhares de línguas. Fonte Wikipedia
http://pt.wikipedia.org/wiki/Pai_Nosso