Abertura de Portas e fortuna

Deusa Nórdica para a abertura de portas





Na mitologia germânica, 2 de Junho é o dia de Syn, deusa nórdica guardiã das portas dos mundos mágicos, que aconselha a buscar a chave quando se deparar com “portas fechadas”, ao invés de tentar arrombá-las.

Syn era uma deusa da mitologia nórdica ou germânica, considerada a guardiã das portas dos mundos mágicos. Em Fensalir, o palácio celeste de Frigga, Syn era a guardiã das entradas e negava passagem àqueles que não tinham permissão ou merecimento para entrar. Syn, portanto, é considerada a protetora das fronteiras e a defensora dos limites. Seu nome significava “negação” e ela era chamada nas assembleias e nos conselhos para defender aqueles que deveriam negar pedidos ou colocar limites.

Era uma deusa justa, que tudo via e sabia, por isso os povos nórdicos pediam sua presença nas disputas judiciais para assegurar o triunfo da justiça e o cumprimento dos juramentos e das promessas. (Fonte Wikipédia)

A esta deusa, os antigos nórdicos dedicavam o dia que corresponde atualmente a 2 de Junho.

Poder e força para abrir portas.

Então pegue uma chave velha e a enterre junto com um cristal transparente, se possível banhado em água de chuva. No dia seguinte, desenterre somente o cristal e coloque-o num saquinho de pano ou veludo azul. Carregue-o consigo para quando precisar abrir “portas”. E quando isso acontecer segure-o com força fazendo o pedido à Deusa Syn.

Força, foco e fé.