Pitágoras, filósofo e matemático grego (que viveu por volta de 571 A.C. a 496 A.C.), conhecido por sua extensa contribuição à matemática, explicou que número é igual a energia.
Aprenda então a calcular o número da energia da sua casa e como harmonizá-la se assim precisar.
Já que tudo começa na porta da nossa casa, não custa nada dar uma olhada no que diz a numerologia sobre o número da sua casa.
Peça agora, calcule e verifique na tabela como anda a energia do número da sua casa:


Sua casa é número:

No caso de um apartamento, normalmente não se soma a letra do bloco e considere apenas o número de sua porta principal de entrada. Essa regra só não é válida em casos que na porta principal do apartamento esteja escrito o número e a letra ao lado. Por exemplo, se na porta estiver escrito 82B, esse B terá o valor 2 acrescido em seu resultado.

Sendo assim, faça os cálculos e descubra que tipo de clima o número de sua casa favorece (este cálculo não inclui o número do prédio ou a quadra do endereço). Se o número tiver mais que um dígito, basta somar cada um dos algarismos que o compõem. Por exemplo: se seu apartamento é o 1.605, some 1+6+0+5= 12. Como 12 não está entre 1 e 9, some 1+2 =3. O resultado da sua casa é, então, 3.

Confira, abaixo, o número da sua casa, e o que ele representa:
Casa número 1 – É um número solar, que tem energia do planeta Mercúrio. Como é indivisível, tem um campo áurico que favorece a independência entre as pessoas que moram na casa, o individualismo, o “cada um por si”. Não favorece a troca entre as pessoas. Para quem mora (e pretende continuar morando) sozinho, no entanto, é um bom número.
Casa número 2 – Tem uma energia lunar e ligada ao planeta Netuno. É o segundo número melhor para moradia (o melhor é o 6). A casa com esse número agrega, acomoda, atrai as pessoas, além de trazer bem-estar. Ambiente considerado positivo para quem quer viver rodeado de pessoas. Quem vive nesta casa fica mais sensível, intuitivo, mais receptivo. No entanto, fica também mais propenso à acomodação, à preguiça, à passividade.
Casa número 3 – Regido por Júpiter e Netuno, é o número da desorganização. Cria um campo energético para as artes, para a criatividade, para jovens, para a comunicação. A casa com esse número também favorece atividades espirituais. Financeiramente, entretanto, é ligado ao desperdício e às dificuldades monetárias, à luta para pagar as contas.
Casa número 4 – Regido por Plutão, está ligado a algo sombrio. É sinônimo de estagnação e perda de dinheiro. É o segundo pior número para morar, só perdendo para o 8. Favorece vícios entre os moradores. Por outro lado, é um estabilizador de casamentos.
Casa número 5 – Tem uma energia de Urano e Mercúrio. É uma boa casa para alugar, mas não para comprar. O lado positivo é que favorece as atividades criativas e as finanças (é excelente para negócios). Mas, por trazer um pouco de agitação e inquietude aos moradores, não favorece a calmaria.
Casa número 6 – É o melhor número de casa na qual morar. Regido por Vênus, traz plenitude, harmonia, beleza, além de unir as pessoas que vivem na casa.
Casa número 7 – Tem uma energia netuniana. É bom para estudar, escrever, concentrar-se e progredir profissionalmente. É o tipo de casa excelente para músicos e jornalistas. O campo áurico é considerado muito bom, não permitindo a penetração de energias negativas. Por outro lado, não favorece casamento, esfria relacionamentos a dois.
Casa número 8 – Regido por Plutão, é o pior número para uma casa. Traz belicosidade, brigas. Favorece disputas por heranças, ganância, brigas de casal e de família. Uma casa com este número potencializa tudo, inclusive a negatividade. Quem vive nesta casa deve procurar agir com muita ética e correção, para evitar problemas, diz a numeróloga Clarice Lopes. Ela explica que, embora haja numerólogos que associam o número 8 a coisas boas, no Brasil este número não tem uma energia saudável.
Casa número 9 – É um número representado pelo planeta Saturno, sendo ligado à solidão, à pessoa que vive sozinha. Pode ser uma boa casa para quem vive só. Este tipo de casa não agrega pessoas, além de poder ter problemas como infiltrações.

Ronda
Paulo Vanzolini

De noite eu rondo a cidade
A lhe procurar, sem encontrar
No meio de olhares espio
Em todos os bares
Você não está…

Volto prá casa abatida
Desencantada da vida
O sonho, alegria me dá
Nele você está…

Ah! Se eu tivesse
Quem bem me quisesse
Esse alguém me diria
Desiste, essa busca é inútil
Eu não desistia …

Porém com perfeita paciência
Volto a te buscar
Hei de encontrar
Bebendo com outras mulheres
Rolando dadinhos
Jogando bilhar…

E nesse dia então
Vai dar na primeira edição
Cena de sangue num bar
Da avenida São João…