Parece loucura, mas já vamos entrar em Setembro e a primeira carta que tiramos para a primeira semana é “O Louco” e ela traz uma advertência para todos nós que ainda temos sonhos e objetivos sem realização: é agora ou nunca.
Leia, pense, medite e veja que existem sim, muitas maneiras de encerrar 2012 mais feliz.
Peça agora a sua análise da primeira carta do Tarot de Setembro:

    Seu nome (obrigatório)

    Seu e-mail (obrigatório)





    As associações entre Tarô e Mitologia se fazem de modo relativamente simples e direto. Os mitos gregos, em particular, constituem uma das fontes relevantes para atribuir sentido às
    figurações dos arcanos maiores.
    Como os estudiosos do Tarô e das linguagens simbólicas reconhecem, o padrão de racionalidade do pensamento moderno é insuficiente para abordar certos níveis da realidade na qual nos encontramos.


    E, no cenário da cultura ocidental – que rompeu com a ortodoxia cristã, em razão das crises sucessivas de suas instituições religiosas – a necessidade de uma linguagem simbólica foi preenchida em grande parte, após o Renascimento, pela mitologia greco-romana.




    Que sem ajuda do mito seria muito mais difícil dar conta de certos níveis da condição do homem, que o digam Freud e Jung, que recorreram profusamente aos mitos para transmitir aspectos mais sutis de suas observações!(Fonte: Clube do Tarot)