Tempo de refletir

Mensagem do Meu Anjo – Tempo de refletir
Por Paulo Roberto Gaefke em 09/05/2011

Queria o melhor,
mas dedicou-se pouco e desanimou,
contenta-se com a sua própria mediocridade.

Queria o amor,
mas exigiu tanto que sufocou a pessoa amada,
apagou a chama e ficou só.

Queria aquela vaga do concurso,
pouco estudou, confiou na sorte,
e sorte não é competência,
então não passou e nem passará.

Queria o carro novo,
escolheu o modelo mais caro,
comprou em muitas prestações, sem nenhum calculo,
na quarta prestação teve que devolvê-lo,
noites mal-dormidas, pesadelos,
então chorou.

Queria todos os sapatos,
comprou todos que o cartão permitiu,
a fatura chegou e o susto também,
gastou além da conta, perdeu o nome,
a paz sumiu, mas a vaidade, essa continua lá.
Ainda não aprendeu.

Queria fazer a faculdade,
escolheu a dedo a sua profissão,
no caminho da escola, encontrou pedras,
não soube recolhe-lás e desistiu,
hoje carrega pedras para comprar o pão,
e reclama da injustiça do mundo,
mundo que ainda não entendeu.

É tempo de reflexão!
tempo de recolher o orgulho, a soberba,
fazer da simplicidade o seu porto seguro.
Tempo de trabalhar pelo bem de todos,
pela melhoria do mundo, começando pela sua casa.
A tarefa é dura, eu sei,
mas se não começarmos agora,
ela jamais será concluída.

“A paz, por duras conquistas,
fulguras em ti como uma estrela.
No entanto, não desistas nunca,
de lutar para mantê-la.” (J.M)

Eu acredito em você
Paulo Roberto Gaefke

www.meuanjo.com.br
“Ao menos uma vez por mês, pratique o vegetarianismo, para nutrir seu coração de compaixão.”
[email_link]

image_pdfimage_print

About Author:

Nascido em Diadema, SP no primeiro dia de janeiro de 1961, capricorniano que adora a vida e conhecer as pessoas, apesar de adorar a reclusão do meu lar. Pai, avô, irmão, filho, cristão, budista, evangélico, católico, espírita, templário, abduzido, desencontrado e meio incerto, assim sou eu... Paulo Roberto Gaefke no Google +