O mais idiota dos idiotas…

Acredite, o mais idiota dos idiotas do mundo,
pode afirmar que você não vai a lugar nenhum, que você não tem talento,
que não merece nada do que tanto sonha.

Se você assumir esse ou qualquer outro comentário negativo
que outras pessoas façam a seu respeito,
você passa a ser “o mais idiota dos idiotas do mundo”.

Isso mesmo!
Não importa o que os outros achem, pensam  ou dizem sobre você.
O que importa é o que você acha, pensa  e diz sobre você mesmo.

Se dizem que você é uma pessoa maravilhosa,
e você no seu íntimo acredita que não é,
então não é mesmo.
Já se um qualquer diz que você nunca terá nada na vida,
e você começa a acreditar nessa “idiotice”,
provavelmente você vai perder até o que já conquistou.

Olhe para o espelho que não esconde nada.
Repita para o seu reflexo tudo o que você acha de você.
Fale do seu poder de amar, de acreditar, de fazer.
Não importa se o mundo está em crise.
Se a geladeira está vazia,
se os cabelos estão caindo.
Se a vizinha te ama ou  te odeia.
O que importa é esse agora onde você deixa de prestar atenção aos outros
para pensar no que realmente importa: a sua felicidade.

Deixe de reclamar e de arrumar desculpas e parta para a sua Guerra Pessoal.
Seja a batalha que for:

  • – para engordar ou emagrecer,
  • – para passar no concurso ou vestibular.
  • – para ter um novo amor ou melhorar o que já tem.
  • – para vencer um vício danado.

Não importa o que você quer, ou o que você precisa.
Tudo o que você não precisa é ouvir pessoas que não te amam.
Tudo que você não precisa é de uma desculpa para não começar, para não tentar.

Então, mãos a obra, comece, tente, insista, lute, dispute.
Tudo começa a melhorar quando descobrimos em nós mesmos,
as chaves que abrem as portas travadas do sucesso.
Viva você!

Paulo Roberto Gaefke
em www.meuanjo.com.br
[email_link]

image_pdfimage_print

About Author:

Nascido em Diadema, SP no primeiro dia de janeiro de 1961, capricorniano que adora a vida e conhecer as pessoas, apesar de adorar a reclusão do meu lar. Pai, avô, irmão, filho, cristão, budista, evangélico, católico, espírita, templário, abduzido, desencontrado e meio incerto, assim sou eu... Paulo Roberto Gaefke no Google +

One thought on “O mais idiota dos idiotas…

Comments are closed.