Evangelho da Semana

Evangelho do dia: (Lucas 6,6-11)
Os adversários de Jesus estão sempre de olho nele para ver se encontram motivos para acusá-lo.
Minhas ovelhas escutam minha voz, eu as conheço e elas me seguem (Jo 10,27).

Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas –
Aconteceu num dia de sábado que Jesus entrou na sinagoga e começou a ensinar. Aí havia um homem cuja mão direita era seca. Os mestres da lei e os fariseus o observavam, para verem se Jesus iria curá-lo em dia de sábado e assim encontrarem motivo para acusá-lo. Jesus, porém, conhecendo seus pensamentos, disse ao homem da mão seca: “Levanta-te e fica aqui no meio”. Ele se levantou e ficou de pé. Disse-lhes Jesus: “Eu vos pergunto, o que é permitido fazer no sábado: o bem ou o mal, salvar uma vida ou deixar que se perca?” Então Jesus olhou para todos os que estavam ao seu redor e disse ao homem: “Estende a tua mão”. O homem assim o fez e sua mão ficou curada. Eles ficaram com muita raiva e começaram a discutir entre si sobre o que poderiam fazer contra Jesus.

Comentário ao Evangelho – TODOS OS DIAS SÃO DIAS PARA SE FAZER O BEM!
Todos os dias são dias de reflexão e ação.
Não adianta reservar um dia para pensar e continuar sendo a mesma pessoa, cheia de ranço, de palavras e ações que não condizem com a mensagem do Cristo.
Num mundo onde ainda imperam tantos formalismos, onde religiões ainda ditam normas que não fazem o menor sentido diante da Grandeza de Deus e do Evangelho de Jesus, seria bom se cada um se perguntasse todos os dias:” o que é permitido fazer no sábado: o bem ou o mal, salvar uma vida ou deixar que se perca?”

image_pdfimage_print

About Author:

Nascido em Diadema, SP no primeiro dia de janeiro de 1961, capricorniano que adora a vida e conhecer as pessoas, apesar de adorar a reclusão do meu lar. Pai, avô, irmão, filho, cristão, budista, evangélico, católico, espírita, templário, abduzido, desencontrado e meio incerto, assim sou eu... Paulo Roberto Gaefke no Google +

One thought on “Evangelho da Semana

  1. Essa mensagem é realmente própria para entendermos que quem faz o Bem, desde a época de Jesus, é vítima de ataques de todas as formas, por isso lembremos que Jesus foi em frente e continuou Sua Missão sem ligar para as críticas. Às vêzes, temos até que fazermos o Bem “escondido”, porque as pessoas se “prendem” demais a regras estabelecidas em religiões ou não religiões, deixando de lado sua própria tarefa de fazer o Bem em qualquer dia e lugar. Mas acredito que mais cedo ou mais tarde, a Humanidade vai reconhecer que o
    Bem já está prevalecendo sobre o Mal, um Mal quel vai desaparecendo através da Caridade e amor ao próximo como fonte de alegrias e saúde para a Humanidade.

Comments are closed.