Estação saudade

Para quem está esperando um trem que não vai passar…

Esta mensagem está no meu novo livro “ O guardador de Emoções“. Peça o seu, é via email (pdf) e custa apenas R$ 15,90. Pedidos pelo email: paulo@meuanjo.com.br

Boa leitura!

Tem gente que viajou na sua saudade,
só com um bilhete de ida,
e não consegue voltar,
imergir das próprias lembranças para a vida.

Parece que a saudade é uma vila distante,
um país que não conseguimos alcançar,
mas que insistimos em procurar…

E viajamos por esses caminhos
quase sempre sombrios do reviver,
do desejar o que já não é mais…
o que já não existe…

Se você sente que o trem partiu
e ficou na estação dos desejos,
com a mala na mão e um gosto estranho na boca,
um estranho sentimento de perda,
acredite: está na hora de voltar,
embarcar no trem da vida,
que apita apenas uma vez a cada chegada,
e o espera para novas viagens,
com novas paisagens,
novos sentimentos, e, quem sabe,
um novo amor na vida que recomeça,
que se refaz na estação do tempo,
que te cobra apenas o desejo de ser feliz…

Paulo Roberto Gaefke
[email_link]

image_pdfimage_print

About Author:

Nascido em Diadema, SP no primeiro dia de janeiro de 1961, capricorniano que adora a vida e conhecer as pessoas, apesar de adorar a reclusão do meu lar. Pai, avô, irmão, filho, cristão, budista, evangélico, católico, espírita, templário, abduzido, desencontrado e meio incerto, assim sou eu... Paulo Roberto Gaefke no Google +