AS PEDRAS E O RIO

O rio passa, e as pedras, por mais que rolem,
vão ficando pelo caminho…

Hoje rio, amanhã mar!
Hoje rio, amanhã mar!

Assim, são os problemas que carregamos,
por maiores que sejam, vão ficar no passado,
uma hora eles se desprendem de nós,
e caem no esquecimento.

Por isso, não perca a hora do trem,
nem se deixe levar pela dor.
A vida, como o rio, tem um curso a seguir,
e quem não pode ficar para trás é você.

Olhe para a frente, projete seus sonhos,
veja-se livre do que te incomoda,
se é a saúde que lhe falta, se trate.
Se é a solidão que te incomoda, seja solidário.
Se é o desamor que te atormenta, ame mais.
Se é a traição que te ofende, perdoa.
Se é a desunião que te machuca, une.
Se é a escuridão que te entristece, seja a luz.
Se é o vazio que te deixa assim, preencha-se.

Se te falta fé, se encontre…

Se te falta direção, observe o rio,
que humildemente se deixa levar pelo caminho,
certo que depois das pedras está o mar,
ponto de chegada dos vitoriosos,
dos pequenos riachos, fontes e nascentes,
que compõem a grandiosa força dos oceanos.

Hoje você pode ser apenas um fio d’água,
mas seguindo o curso do rio da vida,
deixará para trás pedras e barrancos,
e se fortalecendo com a capacidade de amar,
deixará de ser rio e será mar.
Eu acredito em você.
Paulo Roberto Gaefke
[email_link]

image_pdfimage_print

About Author:

Nascido em Diadema, SP no primeiro dia de janeiro de 1961, capricorniano que adora a vida e conhecer as pessoas, apesar de adorar a reclusão do meu lar. Pai, avô, irmão, filho, cristão, budista, evangélico, católico, espírita, templário, abduzido, desencontrado e meio incerto, assim sou eu... Paulo Roberto Gaefke no Google +

Comments are closed.